Imagine poder assinar um plano de energia solar, e economizar mais de R$ 40 por mês na conta de energia? A startup curitibana Renova Green decidiu fazer exatamente isso, operacionalizando a geração de energia solar doméstica no Brasil. Ao invés de vender e instalar os equipamentos, eles vendem o serviço e adotaram um sistema similar aos planos de TV por assinatura, no qual o equipamento fica na casa do cliente em comodato, com planos comerciais e residenciais.

 

Inspirados pelo case de sucesso da empresa norte-americana Solar City, maior instaladora de painéis fotovoltaicos dos Estados Unidos, e apoiados pela aceleradora ISAE Business – programa do ISAE Escola de Negócios – de Curitiba, a startup busca investidores para expandir seu negócio e atender todo o Brasil, oferecendo seu sistema de “assinatura” de energia solar.

 

Para Reinaldo Cardoso, um dos fundadores da Renova Green, a tecnologia tem um grande potencial de expansão. “De acordo com a ANEEL, até 2024 teremos mais 1,2 milhão de sistemas fotovoltaicos instalados em telhados por todo o Brasil. Temos certeza que os brasileiros irão abraçar essa causa assim que conhecerem o nosso sistema”, detalha.

 

Segundo o idealizador do projeto, que hoje já conta com 10 usuários na cidade de Curitiba, em um país que apesar de possuir um dos maiores potenciais de energia solar do planeta, gera quase toda sua eletricidade por meio das usinas hidrelétricas, a iniciativa representa uma transformação no setor. “Além de disponibilizar uma fonte com menor impacto ambiental, oferece melhor custo/benefício ao consumidor”, completa Cardoso.

 

Estes projetos têm sido cada vez mais comuns no Brasil e no mundo, e surgindo com força ao passo que a conta de luz do país – proveniente principalmente de hidrelétricas e de termelétricas – fica cada vez mais cara. Essas soluções, além de sustentáveis, trazem economia doméstica e empresarial. Saiba mais clicando aqui.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *