A fim de se obter integração e conexão entre a população, foi inaugurada no Paraná a árvore digital que disponibiliza wi-fi e cabos USB para recarga de celulares. Cerca de 16 municípios próximos do Lago de Itaipu já possuem esse benefício. O morador da região pode ir até as praças em busca de ar fresco e acesso gratuito à internet.

 

As árvores digitais são abastecidas por energia solar. Para que isso ocorra, ela possui painéis fotovoltaicos localizados em seu topo, ou seja, a luz do sol alimenta as baterias da árvore. Seu nível de conexão chega até 100 simultaneamente e pode ser recarregado 16 celulares ou outros eletrônicos.

 

A ideia é que o projeto tenha a capacidade de, além de captar energia solar para recarregar aparelhos eletrônicos, servir como um replicador de internet wi-fi no local em que estiver instalada. Cidades como Paris, Bruxelas, Hong Kong e Lisboa já tem as suas árvores tecnológicas. No Brasil a iniciativa já vem sendo discutida e implantada em alguns municípios.

 

A inciativa do Projeto Árvore Digital é um convênio entre a empresa de geração de energia Binacional Itaipu e o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios de Lindeiros. O projeto teve início com uma ação piloto implementada na Praça da Paz, em Foz do Iguaçu. Outras unidades já foram inauguradas oficialmente nos municípios de Santa Terezinha de Itaipu, Missal, Santa Helena, Pato Bragado, Mercedes, Terra Roxa e Guaíra.

 

O Projeto Árvore Digital já obteve o alcance de acessos à internet em 170 mil no ano de 2018. Acabou tornando-se uma das ferramentas das prefeituras para a intercomunicação com a população, pois ao se cadastrem é criado e-mails de acesso que interligam ao sistema da árvore e ficam arquivados no banco de dados do poder público, podendo ser utilizado para enviar informações institucionais sobre temas como: campanhas de vacinação, coleta seletiva e pagamento de IPTU.

 

Fonte: Smart City É.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *