Entre janeiro e junho de 2019, a Escócia produziu 9.831.230 megawatts-hora de eletricidade. Isso é energia suficiente para o país fornecer energia para até 4,47 milhões de lares, quase o dobro do que a Escócia realmente tem, de acordo com o WWF.

 

A Escócia tem grande quantidade de parques eólicos em funcionamento, mas esses dados da WeatherEnergy mostram o quão bem essas fazendas estão operando no país. Até 2030, o governo escocês espera estar usando energia renovável para metade de todo o seu consumo de energia. Eles também esperam eliminar quase totalmente as emissões de CO2 de sua infraestrutura energética até 2050.

 

O responsável pelo clima e energia da WWF Scotland, Robin Parker, disse em um comunicado na segunda-feira que “em todo o país, estamos todos nos beneficiando de uma energia mais limpa e também o clima”.

 

Parker acrescentou que “estes números mostram que aproveitar o abundante potencial eólico on-shore da Escócia pode fornecer eletricidade limpa e verde para milhões de lares não apenas na Escócia, mas também na Inglaterra”.

 

A Europa, em geral, abriga alguns dos projetos de energia eólica mais ambiciosos do mundo. Como exemplo, o Parque Eólico Walney Extension Off-shore no Mar da Irlanda foi inaugurado oficialmente em setembro de 2018, de acordo com a Orsted, uma empresa de energia dinamarquesa.

 

O parque eólico é atualmente o maior off-shore operacional do mundo, com uma capacidade total de 659 MW. É capaz de fornecer energia para quase 600.000 residências em todo o Reino Unido.

 

A Escócia está localizada no extremo norte do Reino Unido, nação que está entre os maiores geradores deste tipo de energia renovável e recentemente bateu recorde após passar uma semana sem acionar usinas energéticas de carvão. Foi a primeira vez desde a Revolução Industrial.

Fonte: Engenharia É.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *